[Brasília]: Projeto Tricicletas – Os Teixeiras

Fiquei sabendo de um projeto solidário bem bacana aqui em Brasília.

Trata-se do Projeto Tricicletas do grupo “Os Teixeiras”.

Eles recolhem bicicletas doadas pela população e transformam-na em tricicletas para pessoas com dificuldades de locomoção. As que não eles não conseguem transformar, são vendidas para angariar fundos para o projeto. Vale a pena conferir!

Quem tiver uma bicicleta que não use, faça uma ação solidária, doe-a!

Mais informações aqui.

[Brasília]: “Desafio” do Pedal Noturno

Aí, é o seguinte…
Dia 24/01, segunda próxima, o pessoal do Pedal Noturno está mobilizando os amantes de bicicleta para bater o recorde de 100 pessoas pedalando no grupo pela cidade. É um “desafio” pela conscientização e confraternização em torno das bicicletas, este meio de transporte limpo e saudável.
Quem quiser participar do grupo, é só aparecer no Gibão – Parque da Cidade – às 20h30. Um incentivo para os iniciantes.
Mais informações no sítio do Pedal Noturno.

[Brasília]: Projeto de inclusão digital feito por voluntários

Exemplo de solidariedade em projeto de inclusão digital em uma instituição de Brasília. É a sociedade civil fazendo sua parte.

A creche “Casas Lares Humberto de Campos” abriu suas portas aos sábados para aulas de informática para mães/pais, crianças, e monitoras – inclusive as que residem no local. A familiarização deles com o computador e demais ferramentas digitais propõe-se a agregar seu uso às tarefas diárias de cada um e, principalmente, à transformação de suas vidas por meio da elevação do conhecimento.

Segue o vídeo:

5/12 – Dia do Voluntário

Dia 5/12 foi o Dia do Voluntário, esse membro da sociedade que não gosta de esperar as mudanças acontecerem. Ele quem faz a hora!

Congratulações a todos esses irmãos e irmãs solidários!

Sobre este propósito, segue link interessante.

Cuba, estrela cintilante

Escrito por Gilvander Moreira
29-Nov-2010
Tive a alegria e a responsabilidade de visitar Cuba durante nove dias, em dezembro de 2006. Ao voltar da Ilha, escrevi o texto “Cuba: os desafios de um grande povo ‘ilhado’” (cf. http://www.gilvander.org.br/C001.htm). Hoje, dia 15 de novembro de 2010, estou divulgando um novo artigo sobre Cuba, com informações que são fruto de estudo, do que vi e ouvi em Cuba e também do que ouvi de estudantes brasileiros, membros da Via Campesina, que estão estudando em território cubano.

Ouço com interesse pessoas que vão a Cuba e procuro me informar o que se passa com o povo cubano, ciente de que não podemos aceitar ingenuamente a criminalização do governo cubano e do socialismo em Cuba feita pela mídia: TV Globo e Cia. Mas a história absolverá os criminalizados injustamente. Fidel Castro será um deles. A mídia, geralmente, desfila um rosário de preconceitos acerca do regime político cubano e da história da Revolução cubana.

Falar de Cuba, do povo cubano, do socialismo e dos grandes líderes revolucionários, tais como Fidel Castro, Che Guevara e Camilo Cienfuegos, exige muita responsabilidade de quem se arrisca, porque, para quem conhece Cuba, convive um pouco com o povo cubano e estuda a história da revolução cubana, é impossível não aprender e não reconhecer o histórico de indignação, a força e a luta por parte dos revolucionários e o grande sentimento de amor por Cuba e por seu povo por parte desses. E se torna impossível não respeitar e admirar o povo cubano e sua história.

Continuar lendo

Gentileza gera Gentileza

Uma atitude solidária que deve ser demonstrada e praticada diariamente. O Poeta Gentileza serve-nos de exemplo!

[videolog 282722]

Aqui em Brasília, houve uma reportagem do DFTV sobre essa campanha que chegou a nossa cidade vinda do Rio de Janeiro. Só não concordo com o termo “campanha”, pois denota algo sazonal e temporário. A Gentileza é uma atitude, virtude perene, contínua no tempo e universal. Assim consegue transformar o homem e, por conseguinte, o mundo.

Larzinho Chico Xavier: História de solidariedade

O Lar infantil Chico Xavier, mais conhecido como Larzinho Chico Xavier, é uma instituição particular que acolhe com amor e respeito menores carentes. Foi criado em 14/12/1995 e está localizado no Setor de Mansões Park Way (SMPW) Qd. 2, na mesma rua do Lar Maria Madalena e da Creche Mãe Preta, no caminho do Núcleo Bandeirante para o Guará II. Veja o mapa aqui.

No Larzinho, as crianças têm:

– Casa em ordem, asseada e bonita;

– Alimentação balanceada, com leite e derivados, ovos, frutas, verduras, fígado, frango, carne;

– Acompanhamento psico-pedagógico para alguns;

– Reforço escolar para todos, diariamente;

– Médicos e dentistas voluntários

– Acompanhamento hospitalar quando houver internação;

– Estudo do evangelho aos sábados de manhã;

– Culto do evangelho no lar, aos domingos 17:30;

– Lazer orientado após as 16 horas diariamente;

– Cuidadoras (remuneradas) constantemente preparadas e alertadas;

– Camas confortáveis e limpinhas;

– Toalhas de banho individuais e higienizadas;

– Roupas e calçados apropriados;

– Uniforme e material escolar;

– Parquinho;

– Um jardim lindo e…

– Muito amor!

Hoje, o larzinho abriga 45 crianças carentes, de 3 meses a 17 anos; é uma instituição fiscalizada pela Vara da Infância e Juventude do DF, e submete-se ao Estatuto da Criança e do Adolescente, por cujas normas se pauta.

O Larzinho é uma instituição particular, sem fins lucrativos, mantido por contribuições financeiras de voluntários, realização de bazares, almoços beneficentes e ocasionalmente recitais do grande amigo Luiz Carlos de Campos Marques, que já pertenceu à orquestra sinfônica brasileira.

Há 8 funcionárias domésticas, um motorista, uma supervisora geral, uma assistente social, uma psicóloga, um contador (voluntário), e um jardineiro que vai três vezes por semana.

Podem ser doadas roupas, calçados, alimentos e material de limpeza, ou qualquer tipo de material, a ser usado nos bazares.

Além disso, é realizando almoços beneficentes que se consegue cobrir as 13 folhas de pagamento ao ano. Um trabalho indispensável e que exige dos dirigentes da instituição e de suas equipes maravilhosas muito esforço, disciplina e determinação.

Uma obra do bem com muitos desafios, mas com a proteção divina e o inesgotável amor de Jesus. Venham conhecer o Larzinho e o trabalho que aqui é desenvolvido! Participem também deste trabalho sublime!

O mundo precisa de mais corações solidários, de mais amor! Seres humanos que saibam também como amparar os desvalidos.

Dia 14 de dezembro de 2010, o Larzinho completará 15 anos de funcionamento e, para nós, é um honorabilíssimo trabalho!

Se você gostou desse artigo, veja também:
Resultado do Almoço do Larzinho Chico Xavier
Lembrete do Almoço do Larzinho Chico Xavier
Almoço Beneficente Larzinho Chico Xavier – 26/09/10