[Brasília]: Sabor do Cerrado no Dia do #TerraMadre


O Grupo Sabor do Cerrado é composto por 12 mulheres e surgiu a partir do projeto “Educando para a Sustentabilidade”, desenvolvido desde 2002 pelo Grupo de Trabalho sobre Reforma Agrária (GTRA) , da Universidade de Brasília (UnB). Esse trabalho foi realizado junto às famílias de agricultores do Assentamento Colônia I, localizado no Município de Padre Bernardo – GO, a 70 km de Brasília.

Em 2005 receberam apoio do Programa de Pequenos Projetos Ecossociais (PPP-ECOS) para estruturar a cozinha comunitária. Instalada na sede da associação, a cozinha permitiu que as mulheres produzissem salgados, doces, bolos, tortas, biscoitos, etc. que são utilizados nos lanches e coquetéis fornecidos pela Central do Cerrado . Em 2010, com apoio da Fundação Banco do Brasil , foram adquiridos novos equipamentos para a cozinha, o que contribuiu para aprimorar ainda mais o trabalho do grupo.

Grande parte dos alimentos oferecidos pelo Grupo Sabor do Cerrado são confeccionados a partir de produtos fornecidos por outras organizações da Central do Cerrado , tais como pequi, baru, babaçu, jatobá, buriti, etc. Chefs de Cozinha voluntários do Convivium Slow Food Cerrado têm apoiado a Central do Cerrado e o Grupo Sabor do Cerrado no desenvolvimento de novas receitas e do serviço do coquetel e lanches.

Em função do trabalho realizado pelo Grupo Sabor do Cerrado, em parceria com o Grupo Vida e Preservação – que produz hortaliças orgânicas no assentamento – foi fundada a Cooperativa dos Agricultores Familiares Agroecológicos do Projeto de Assentamento Colônia I e Região (COOPAFAMA), em outubro de 2010. A cooperativa deverá fortalecer e profissionalizar ainda mais o trabalho no assentamento.

No momento, com apoio da UNICAFES e da Secretaria da Educação do Distrito Federal, a Central do Cerrado está desenvolvendo junto com a COOPAFAMA uma linha de biscoitos do Cerrado para fornecimento às escolas da rede pública do DF, no âmbito do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) .

No dia 10 de dezembro o movimento Slow Food comemora o Dia do Terra Madre , e centenas de eventos simultâneos serão realizados em todo o mundo. O Slow Food Cerrado , célula do Movimento Slow Food de Brasília, em parceria com a Central do Cerrado e com o apoio do Mercado 153 (Brasília) convida a todos para um Brinde às Mulheres da Terra , com a apresentação do curta-metragem Mulheres da Terra, dirigido por Márcia Paraíso, e um jantar degustação assinado pela Chef Marilde Cavaletti, e preparados com produtos locais, agroecológicos e do Cerrado.

As mulheres do Grupo Sabor do Cerrado, que já participaram de várias atividades do Slow Food Cerrado , principalmente como fornecedoras de delícias desse ecossistema, serão nossas convidadas especiais nesta noite de festa.

Mais Detalhes:

* Data: 10 de dezembro de 2010 (sexta-feira)
* Horário: 19h30
* Local: MERCADO 153- SCN QD. 05, Bloco A, loja 110w, Brasília Shopping, telefone (61)3047-8680
* Convites: antecipados à venda no MERCADO 153 – R$30,00 (sócios do Slow Food), R$50,00 (ñ sócios do Slow Food). Sócios do Slow Food devem apresentar a carteirinha em dia no momento da compra.

*este evento será em benefício dos projetos de Educação do Gosto do Slow Food Cerrado.
Realização: Slow Food Cerrado
Participação: Central do Cerrado
Apoio: MERCADO 153

Fonte: Slow Food Cerrado, citado em Amigos das Veredas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s