Lista da Anvisa dos alimentos com nível de agrotóxico acima do permitido

No DF, tomemos cuidado principalmente com pimentão, pepino, couve e mamão. Porém, é melhor se pudermos comer apenas orgânicos.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou um relatório sobre o uso dos agrotóxicos em alimentos como frutas, verduras, legumes e grãos consumidos pelos brasileiros. Em 2009, a instituição coletou 3.130 amostras de 20 alimentos. Delas, 29% apresentaram irregularidades como ingredientes ativos não autorizados e resíduos de agrotóxicos acima do permitido. Os dados fazem parte do Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos (PARA).

O programa monitorou as culturas em 26 estados do Brasil, apenas o Alagoas não participou. Foram encontrados resíduos de agrotóxicos acima do permitido em 2,7% das amostras coletadas. Os casos mais problemáticos foram os do pimentão (80% das amostras insatisfatórias), uva (56,4%), pepino (54,8%) e morango (50,8%). Já a cultura que apresentou melhor resultado foi a da batata com irregularidades em apenas 1,2% das amostras analisadas. Veja relatório completo no site da agência.

Em 15 das 20 culturas foram encontrados ingredientes ativos com elevado grau de toxicidade aguda comprovada e que causam problemas neurológicos, reprodutivos, de desregulação hormonal e até câncer. Alguns deles estão em processo de reavaliação toxicológica pela Anvisa e outros já foram banidos. “Encontramos agrotóxicos, que estamos reavaliando, em culturas para os quais não estão autorizados, o que aumenta o risco tanto para a saúde dos trabalhadores rurais como dos consumidores”, declarou Dirceu Barbano, o diretor da Anvisa.

O que fazer
Segundo a instituição, o consumidor deve optar por produtos com origem identificada para reduzir o consumo de agrotóxico em alimentos. Isso porque a identificação aumenta o comprometimento dos produtores em relação à qualidade dos alimentos.

Outra dica é escolher alimentos da época ou cultivados por métodos de produção integrada – conjunto de técnicas de manejo que utilizam menos agrotóxicos. Alimentos orgânicos também são uma opção, pois não empregam produtos químicos.

Os procedimentos de lavagem e retirada de cascas e folhas externas de verduras ajudam na redução dos resíduos de agrotóxicos presentes apenas nas superfícies dos alimentos.

Fonte: http://br.noticias.yahoo.com/s/23062010/48/manchetes-anvisa-divulga-lista-dos-alimentos.html

No DF, tomemos cuidado principalmente com pimentão, pepino, couve e mamão. Porém, é melhor se pudermos comer apenas orgânicos.

Anvisa divulga lista dos alimentos com nível de agrotóxico acima do permitido

Qua, 23 Jun, 06h31

Por Redação Yahoo! Brasil

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou, nesta quarta-feira, um relatório sobre o uso dos agrotóxicos em alimentos como frutas, verduras, legumes e grãos consumidos pelos brasileiros. Em 2009, a instituição coletou 3.130 amostras de 20 alimentos. Delas, 29% apresentaram irregularidades como ingredientes ativos não autorizados e resíduos de agrotóxicos acima do permitido. Os dados fazem parte do Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos (PARA).

O programa monitorou as culturas em 26 estados do Brasil, apenas o Alagoas não participou. Foram encontrados resíduos de agrotóxicos acima do permitido em 2,7% das amostras coletadas. Os casos mais problemáticos foram os do pimentão (80% das amostras insatisfatórias), uva (56,4%), pepino (54,8%) e morango (50,8%). Já a cultura que apresentou melhor resultado foi a da batata com irregularidades em apenas 1,2% das amostras analisadas. Veja relatório completo no site da agência.(http://portal.anvisa.gov.br/wps/wcm/connect/d214350042f576d489399f536d6308db/RELAT%C3%93RIO+DO+PARA+2009.pdf?MOD=AJPERES)

Em 15 das 20 culturas foram encontrados ingredientes ativos com elevado grau de toxicidade aguda comprovada e que causam problemas neurológicos, reprodutivos, de desregulação hormonal e até câncer. Alguns deles estão em processo de reavaliação toxicológica pela Anvisa e outros já foram banidos. “Encontramos agrotóxicos, que estamos reavaliando, em culturas para os quais não estão autorizados, o que aumenta o risco tanto para a saúde dos trabalhadores rurais como dos consumidores”, declarou Dirceu Barbano, o diretor da Anvisa.

O que fazer
Segundo a instituição, o consumidor deve optar por produtos com origem identificada para reduzir o consumo de agrotóxico em alimentos. Isso porque a identificação aumenta o comprometimento dos produtores em relação à qualidade dos alimentos.

Outra dica é escolher alimentos da época ou cultivados por métodos de produção integrada – conjunto de técnicas de manejo que utilizam menos agrotóxicos. Alimentos orgânicos também são uma opção, pois não empregam produtos químicos.

Os procedimentos de lavagem e retirada de cascas e folhas externas de verduras ajudam na redução dos resíduos de agrotóxicos presentes apenas nas superfícies dos alimentos.

Fonte: http://br.noticias.yahoo.com/s/23062010/48/manchetes-anvisa-divulga-lista-dos-alimentos.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s